Cadastre seu e-mail e receba nossas atualizações

As estradas brasileiras e a BR 060

Um dos grandes problemas do setor de transportes no Brasil, a má condição de muitas estradas nacionais e regionais traz consequências graves para o país. Entre os principais problemas que esta péssima condição das estradas brasileiras traz para o Brasil, estão a dificuldade de escoamento da produção do interior para os portos e aeroportos que movimentam a economia de nosso país, o grande quantidade de acidentes de todos os níveis (leves, médios e graves), a quantidade absurda de mortos nos acidentes e o atraso na economia, já que o país possui uma malha ferroviária e fluvial pequena e pouco aproveitada.

E Chapadão do Sul? O que tem com isso? Cidade agrícola, conhecida nacionalmente no Globo Repórter (quem não assistiu acesse aqui!) tão importante assim mas não é o que esta sendo realizado na prática.

A BR 060 liga Campo Grande a Chapadão do Sul e muitas famílias, estudantes e trabalhadores, além dos caminhoneiros que alimentam o Brasil trafegam neste trecho. Hoje está intransitável, perigosa e que já causou mortes. Péssimo né!
O que há de errado

Os problemas na BR 060 são diversos: falta de sinalização, obstrução de pistas, obstáculos como a presença de animais nas vias, péssima condição do asfalto, falta de acostamento, falta de asfalto e ainda problemas causados pela ação da natureza, como erosão do solo próximo às estradas causando crateras no meio das vias. São aproximadamente 220 km em péssimo estado e que está piorando.

Outro grande problema é que a malha rodoviária do Brasil é razoável, mas ainda está longe da malha rodoviária de países desenvolvidos como os Estados Unidos e a China. A BR060 e MS306 hoje deve ser exceção de puro descaso, não tem como comparar elas com outros países.

Como evitar os problemas

Para você que precisa utilizar as estradas brasileiras seja para passear ou para trabalhar, é importante ter muito cuidado em vários trechos que estão com problemas. É complicado dizer em quais regiões do país existem mais estradas com problemas, pois existem estradas em más condições em todas as regiões. Mesmo assim, alguns cuidados são imprescindíveis para uma viagem tranquila e segura.
Em primeiro lugar, é preciso manter o carro em boas condições. Suspensão, freios e pneus precisam ser verificados antes de uma viagem. Isso evitará que estradas com asfalto gasto ou pouco aderente causem problemas como derrapagens ou perda de controle do carro nas curvas. Além disso, planeje o seu trajeto a partir de informações prévias das estradas com as melhores condições.

Na MS306 e BR060 a recomendação é ficar em casa. Se não der viaje durante o dia, ande a 60km/h, desejamos muita sorte para chegar no destino e voltar para Chapadão. Leve lanterna, água e um lanche de emergência pois se estragar um pneu ou roda e já tiver utilizado o estepe alguns minutos atrás você vai precisar da lanterna e água, pois pode escurecer, a ajuda pode demorar.

Use meios alternativos de transporte

Se você tiver como ir de avião seria melhor. É mais seguro pois possibilitam viagens mais rápidas e cômodas ao passageiro.

Somos também revoltados com o aumento de impostos e a precariedade dos serviços impostos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário